Skip to main content

Qual é a durabilidade das lentes de contato dentais?

sorriso com lente de contato dentais

 

Hoje vamos esclarecer sobre a durabilidade das lentes de contato dentais.

Essa é uma das primeiras dúvidas dos pacientes na consulta de avaliação aqui na Clínica Renata Avighi, em Piracicaba.

Depois de quanto tempo as lentes de contato precisarão ser trocadas? Na verdade, a resposta depende muito de cada caso. Mas vamos esclarecer.

Não dá para precisar um prazo para o paciente retornar e realizar a troca. As peças são feitas para durarem muito tempo, porem os hábitos funcionais e parafuncionais (bruxismo, apertamento, roer unhar…), cuidados, higiene e retorno anual ao dentista influenciam na durabilidade do trabalho.

A grande maioria das pessoas ultrapassa os dez anos com as lentes em perfeito estado. Esse tempo pode aumentar com a higienização adequada e se o paciente vem anualmente ao consultório fazer a consulta de manutenção.

A exceção é encontrada quando o paciente sofre algum tipo de acidente ou trauma, como bater uma garrafa ou copo, ou morder algo muito duro e indesejado. Nesses casos é necessária a realização da troca ou reparo imediatamente.

Quando a pessoa tem algum hábito parafuncional, como o ranger de dentes ou apertamento, fazemos a proteção das peças para garantir um tempo maior do tratamento. Usualmente indicamos a placa de mordida acrílica. Atualmente a aplicação de toxina botulínica também é muito utilizada para relaxar o músculo responsável pelo apertamento e assim dar longevidade ao trabalho.

Um cuidado adequado prolonga muito a durabilidade das lentes de contato dentais. Eu mesma tenho casos de pacientes com mais de 10 anos de lente, sem nunca precisar de qualquer reparo. De qualquer forma, a partir desse tempo já é recomendado prestar mais atenção na durabilidade das lentes de contato dentais.

Outra questão é em relação à pigmentação da porcelana. É bom esclarecer que as lentes de contato se enquadram como um tipo de faceta de porcelana. A diferença é que a lente de contato é realmente um material ultrafino.

Então, a lente de contato é uma cerâmica, um material de vidro que não apresenta porosidade. Portanto, ela não permite pigmentação.

Os nossos dentes, ou mesmo as resinas compostas, que eram utilizadas antes das porcelanas (e ainda têm suas indicações), apresentam poros. Com o passar do tempo e a ingestão de alimentos escuros, essas porosidades ficam preenchidas com esses materiais escuros, principalmente no caso de maior contato com vinho tinto, cigarro, etc.

A porcelana não permite qualquer tipo de pigmentação profunda, mas ainda assim pode ocorrer de forma extrínseca (na superfície das peças) com alimentos escuros como chá, também o café e o cigarro.

Como elas apenas grudam na superfície da porcelana, com a profilaxia convencional do paciente no consultório (uma limpeza com jato de bicarbonato), que faz parte do cuidado anual, é possível remover essas impurezas e deixar a porcelana com a cor original novamente.

Então é muito fácil garantir a durabilidade do brilho nas lentes de contato dentais. O que torna o investimento nas lentes de contato seguro e muito satisfatório.

Sabemos então que as a durabilidade das lentes de contato dentais pode ultrapassar facilmente os 10 anos, sendo os cuidados necessários o mesmo de qualquer pessoa que não as tem. O recomendado é ir ao dentista uma vez por ano para limpeza e avaliação geral.

Ficou com mais alguma dúvida sobre as lentes de contato dentais? Ainda não tem certeza se é o investimento certo para você? Entre em contato conosco, agende uma avaliação, esclareça qualquer dúvida e ilumine o seu sorriso!

19 3377 7932

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.