Skip to main content

Lentes de contato dentais precisam de desgaste dental?

Hoje eu vou falar sobre um tema super interessante em relação às lentes de contato dentais.

É um assunto que eu tenho falado muito aqui na Clínica Renata Avighi, em Piracicaba, para os meus pacientes. E também falado aqui no blog e nos meus vídeos.

Elas realmente estão na moda, recentemente deram um boom na odontologia.

As chamadas facetas de porcelana, que já conhecemos há muito tempo, mas hoje em dia ouvimos mais o nome lentes de contato dentais.

Eu tenho notado que de alguns anos para cá, principalmente nos dois últimos, tem sido cada vez mais forte a procura dos pacientes por elas.

Uma das grandes dúvidas em relação às lentes de contato dentais, principalmente quando comparada às facetas de porcelana é: Para fazer as lentes de contato dentais fazemos desgaste dental? Sim, geralmente…

Queria esclarecer para vocês como funciona esse processo e desmistificar algumas coisas.

Hoje em dia, a odontologia está seguindo uma tendência minimamente invasiva.

Ou seja, desgastar cada vez menos e ser o mais conservador possível. E isso tanto na parte clínica, quanto na parte estética.

Porem, tem surgido muito cada vez mais pacientes que precisam de apenas alguns detalhes e não transformações tão evidentes e grandiosas.

A busca pela perfeição nos traz mais pacientes jovens, sem nenhuma intervenção e sem restauração previa. Não são pacientes que precisam de uma transformação profunda.

Quando vou fazer uma transformação conservadora como essa, de pacientes jovens e dentes rígidos, me preocupo ainda mais em não desgastar.

Quando o paciente já tem varias restaurações e coroas antigas, precisamos remove-las e isso gera desgaste naturalmente, mas claro que queremos evitar sempre novas intervenções.

Mas o paciente que tem um dente completamente saudável a nossa preocupação é ainda maior em não invadir.

Porem, ao procurar as lentes de contato dentais, normalmente o paciente já tem algum dente tortinho, ou um pouquinho fora de posição. Então, para que eu consiga fazer um alinhamento adequado desses dentes e ter um resultado final bonito, eu preciso fazer algum nivelamento.

Nessas regiões que estão fora do lugar, é provável que o dente vá impedir o alinhamento perfeito para recobrir aquela região, pois assim, eu terei que trabalhar com um volume muito grande de lente, e o resultado fica muito feio!

Outra desvantagem é que os dentes ficam com sobrecontorno e excesso na região da papila (aquele triangulo de gengiva que contorna os dentes). Então essa região se torna um nicho de acumulo de resíduos na alimentação, fator que não existia antes das lentes…

Não queremos, que ao colocar as lentes de contato dentais, o paciente passe a se preocupar com o que ele come.

Por isso, é preferível fazer pequenas intervenções bem suaves, desgastes pequenos e pré-planejados, simplesmente alinhando e dando espaço adequado para o formato novo e saudável do sorriso. Harmônico, natural e sem qualquer tipo de incômodo no final do tratamento.

O paciente não sabe até onde precisamos ir para conseguir o resultado perfeito, mas o dentista deve saber e avisa-lo que naquelas regiões precisamos de um polimento super pouco invasivo, mas precisamos.

Alguns casos também o paciente tem dente escurecido ou manchado, assim preciso de espaço para que a espessura da lente seja capaz de esconder esse manchamento. O volume deve ser adequado e para isso muitas vezes o desgaste se faz necessário.

Existem situações que não é preciso desgaste dental. Casos que temos espaços suficientes para adaptar as novas peças e cor adequadas que não precisam ser mascaradas.  Perfeito, mas raras!  

Na minha opinião é melhor ter que fazer pequenas intervenções conservadoras e sutis, quase um polimento, mas que vão proporcionar um resultado final perfeito em relação à estética e de conforto em relação à saúde e alimentação, do que entregar ao paciente um sorriso indesejado.

Espero ter esclarecido. Qualquer dúvida em relação às lentes de contato dentais, entre em contato. Ilumine o seu sorriso!

19 3377 7932

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *